domingo, 4 de julho de 2010

um minuto de silêncio por todos os tiros interrompidos contra o escuro.

Nenhum comentário: